Fratello Uno


Voltar


Publicado em 28 de abril de 2014

As 14 curiosidades sobre a cerveja que você tem que saber!


Beber cerveja é muito mais do que esquecer tristezas e o cansaço de um ano inteiro! É um processo de sociabilização, um autêntico ritual que, por sinal, é um dos mais conhecidos do mundo!

1) A cerveja deixa os homens mais inteligentes!
Depois de beberem algumas cervejas, a capacidade raciocínio masculina fica mais rápida.

2) Existem receitas de cerveja com 5.000 anos!

3) Foi a primeira bebida feita pelo homem.

4) Os melhores drinking games jogam-se com cerveja: beer bong, Edward 40-Hands, entre muitos outros!

5) Há mais de 400 variedades de cerveja por todo

6) Cenosilliacaphobia é o medo de ficar com o copo de cerveja vazio! Sim, há um termo científico!

7)  A China é o país do mundo que bebe mais cerveja per capita, logo seguido da República Checa.

8) Os japoneses fizeram uma “cerveja” para crianças!
A “Kidsbeer” parece-se com uma cerveja, cheira a cerveja… Mas diz quem já bebeu que sabe a algo parecido com coca-cola!

9) Previne os ataques cardíacos e faz bem à circulação sanguínea!
Tal como dizem do vinho, um estudo concluiu que uma cervejinha por dia só faz bem ao coração!

10) Pulmões saudáveis – E que quem bebe cerveja, com moderação, tem 40% menos probabilidades de ter cancro do pulmão!

11) Faz bem aos ossos – quase tão bom como um copo de leite cheio de cálcio! Umas cervejinhas, de vez em quando, podem prevenir a osteoporose e deixar-te os ossos fortes e à prova de quedas!

12)  A cerveja mais barata bebe-se no Tajiquistão e custa cerca de 0,33 cêntimos.
Mas se achas que o Tajiquistão é muito longe, perde as esperanças de encontrar cerveja muito barata por aí! Os países com cerveja mais barata são todos para os lados da Ásia e África.

13)  A cerveja mais cara do mundo vende-se… em Inglaterra. Parece impossível, mas é verdade! Logo seguida da Noruega, do Qatar e dos Emirados Árabes Unidos.

14) Cerveja + leite = BILK!
Talvez uma das cervejas mais estranhas do mundo que junta dois ingredientes, à partida incompatíveis! A ideia foi: se leite é bom e cerveja também, porque não juntá-los?” Pelo menos, foi o que um japonês se lembrou. Estranho? Sim, no mínimo!