Fratello Uno


Voltar


Publicado em 26 de janeiro de 2015

Saiba escolher o azeite ideal


Não é só o sabor do azeite que faz com que ele seja especial! Ele tem benefícios nutricionais que reforçam esta característica. Especialistas recomendam o uso de até duas colheres de sopa por dia nas refeições e indicam que quanto menor a acidez, maior é a quantidade de nutrientes.

O extra virgem é o melhor deles, pois a acidez não passa de 1%. No caso do virgem extra, esta porcentagem vai de 1% a 2%. O ideal é que estes 2 sejam usados em saladas e alimentos frios. Para os cozidos em preparações rápidas, prefira o azeite virgem, que tem acidez acima de 2%. Já para as frituras, opte pelo refinado ou o puro, que tem o percentual acima de 3%.

Mas como ter certeza que aquele azeite é mesmo extra virgem? Faça a experiência: coloque a garrafa de azeite dentro da geladeira e não abra por 48 horas. O líquido, então, deverá estar mais pastoso.

O azeite de oliva é bom para reduzir a oxidação do colesterol e ajuda na prevenção de doenças cardiovasculares, além de proteger o organismo contra os radicais livres.

Uma série de detalhes vai te ajudar a escolher um bom produto e garantir todas essas vantagens saudáveis. Primeiro verifique no rótulo se ele é feito somente de azeitonas. Caso tenha algum outro óleo na mistura, como o de soja, por exemplo, não terá as mesmas propriedades. Procure escolher as garrafas de vidro escuras e que não estão expostas à luz no supermercado. No caso dos importados, dê prioridade aos azeites produzidos e embalados naquele mesmo país, pois correm o risco de oxidar.

A luz, o ar e o calor podem ser nocivos à qualidade do azeite. Feche bem o vidro, guarde-o em local fresco e arejado e, após abrir o vidro, consuma em até 3 meses.

Fonte: Universo Jatobá